Topo
pesquisar

Teorias ácido-base de Arrhenius, de Brönsted-Lowry e de Lewis

Química

A teoria ácido-base de Arrhenius diz que o ácido libera somente o hidrogênio como cátion na água e a base libera a hidroxila como ânion. A de Brönsted-Lowry diz que ácido é toda substância que doa prótons e a base recebe prótons. Já a teoria de Lewis diz que o ácido recebe elétrons e a base doa.

*Teoria de Arrhenius:

Baseado em seus experimentos com condutividade elétrica em meio aquoso, o químico, físico e matemático sueco Svante August Arrhenius (1859-1927) propôs, em 1884, os seguintes conceitos para definir ácidos e bases:

Conceito de ácido de Arrhenius.

Assim, genericamente, temos:

H+ + H2O  →  H3O+

Exemplos:

HCl + H2O  →  H3O++ Cl-
HNO3+ H2O  →  H3O+ + NO3-
H2SO4+ 2H2O  →  2H3O+ + SO42-

Conceito de base de Arrhenius.

Exemplos:

NaOH → Na + + OH-
Ca(OH)2 →Ca2+ + 2 OH-

*Teoria de Brönsted-Lowry:

De forma independente, o dinamarquês Johannes Nicolaus Brönsted (1879-1947) e o inglês Thomas Martin Lowry (1874-1936), propuseram no mesmo ano outra teoria ácido-base conhecida como Teoria Brönsted-Lowry, que diz o seguinte:

Conceito de ácido de Bronsted-Lowry.

Neste caso, considera-se como próton o íon hidrogênio. Isto é visto na reação a seguir, onde o ácido cianídrico doa um próton para a água, que atua, portanto, como base:

HCN + H2O → CN- + H3O+

Essa reação é reversível, sendo que o íon hidrônio (H3O+) pode doar um próton para o íon CN-. Desta forma, o íon hidrônio (H3O+) atua como ácido e o CN- como base.

CN- + H3O+→ HCN + H2O

*Teoria de Lewis:

Esta teoria foi criada pelo químico americano Gilbert Newton Lewis (1875-1946) e diz o seguinte:

Conceito ácido-base de Lewis.

Essa teoria introduz um conceito novo, é mais abrangente, mas não invalida a teoria de Brönsted-Lowry. Pois todo ácido de Lewis é um ácido de Brönsted, e consequentemente toda base de Lewis é uma base de Brönsted. Isto ocorre porque um próton recebe elétrons, ou seja, um ácido de Lewis pode unir-se a um par solitário de elétrons em uma base de Lewis.

Para Lewis, uma reação ácido-base consiste na formação de uma ligação covalente coordenada mais estável. Assim, quando uma base de Lewis doa um par de elétrons para uma base de Lewis, ambos formam uma ligação covalente coordenada, em que ambos os elétrons provém de um dos átomos, como ocorre no exemplo abaixo:

Reação ácido-base entre a amônia e a água.

Nesse caso, a amônia atua como a base de Lewis e de Brönsted, pois ela doa os seus dois elétrons para o próton, sendo, portanto, a receptora do próton. Além disso, formou-se uma ligação covalente entre o hidrogênio (o próton) e a amônia.

Já a água é o ácido de Lewis e de Brönsted, pois ele doa o próton e recebe os elétrons, note como o oxigênio do hidróxido formado a partir da água ficou com um par de elétrons a mais.

Arrhenius, Brönted, Lowry e Lewis contribuíram para o entendimento do conceito de ácido-base.

Por Jennifer Fogaça
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • nilvaquinta-feira | 27/11/2014 00:22Hs
    texto excelente foi de grande ajuda, para trabalho de licenciatura em química. Parabéns!
  • Paulo Lemosquinta-feira | 23/10/2014 06:49Hs
    Gostei pois foi algo curto e objectivo que da a resposta certa e em poucas palavras, em suma foi útil.
  • Joyce Ramossábado | 30/08/2014 20:49Hs
    Bom, me ajudou de mais !
  • JORGE PONTES KOIDEdomingo | 27/04/2014 16:24Hs
    gostei, o que procuro e se o CRO pode ser considerado uma base na reação abaixo tanto de bronsted como de lewis CRO!(aq) + H2O (R) HCRO (aq) + OH!(aq)
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
Conteúdos exclusivos de literatura.
CURSO DE LITERATURA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos de física.
CURSO DE FÍSICA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos de matemática.
CURSO DE MATEMÁTICA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos de redação.
CURSO DE TÉCNICAS DE REDAÇÃO
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação