Topo
pesquisar

Principais fenóis

Química

Fenóis são compostos que possuem o grupo hidroxila (-OH) ligado diretamente ao anel benzênico, vamos analisar aqui dois tipos de fenóis: o comum e o cresol.

Cresóis

Essa classe de fenóis é obtida do óleo retirado do alcatrão da hulha, possui fórmula molecular C7H8O. A aplicação dos cresóis na indústria é variada, vai desde a fabricação de conservantes para madeira até a obtenção de explosivos. A utilização como conservante se refere à propriedade repelente do cresol, que afasta o contato de insetos com a madeira. Cresóis são usados para produzir corantes, perfumes e ainda desinfetantes, esta última diz respeito à produção de creolina e lisol.

Fenol comum

Esse composto fenólico é mais tóxico que o cresol, recebe a denominação de ácido fênico ou carbólico, hidroxi benzeno, possui fórmula molecular C6H6O.
Em condições ambientes se apresenta como sólido incolor, é usado na obtenção dos seguintes produtos: aspirina, ácido pícrico, baquelites e fenolftaleína. Veja como se obtêm cada um desses compostos a partir do fenol comum:

Aspirina: esse famoso analgésico é produzido a partir da reação com fenol que dá origem ao ácido salicílico, com posterior reação com cloreto de acetila se obtém o produto final: ácido acetil-salicílico (aspirina ou AS).

Ácido pícrico: produto formado quando um fenol reage com ácido nítrico na presença de ácido sulfúrico, essa reação é denominada de nitração e dá origem ao hidroxi-trinitro benzeno, mais conhecido como Ácido pícrico. Esse composto é usado na fabricação de foguetes.

Baquelites: a reação de fenóis com o aldeído metanal na presença do desidratante ácido sulfúrico dá origem às resinas fenol-formaldeído, dentre elas podemos citar as baquelites: essas resinas correspondem a plásticos de elevada massa molecular importantes na indústria.

Fenolftaleína: aquecer a mistura de fenol com anidrido ftálio na presença de ácido sulfúrico, pronto! Já se tem o indicador ácido-base fenolftaleína, veja como usá-lo:
Basta pingar algumas gotas na solução em questão e já se tem o resultado: em meio ácido o indicador fica incolor e em meio básico adquire a cor rósea.

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Funções Orgânicas - Química Orgânica 

QuímicaBrasil Escola

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • carolsegunda-feira | 18/08/2014 15:16Hs
    gostei
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
Conteúdos exclusivos da português infantil.
CURSO DE PORTUGUÊS INFANTIL
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre a reforma ortográfica.
NOÇÕES DA REFORMA ORTOGRÁFICA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos de inglês para crianças.
CURSO DE INGLÊS INFANTIL
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre o ENEM.
PREPARATÓRIO ENEM 2015
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação