Topo
pesquisar

Ligações iônicas

Química

PUBLICIDADE

A ligação iônica, também conhecida como ligação eletrovalente, ocorre entre íons positivos (cátions) e negativos (ânions), em razão da força de atração eletrostática existente entre eles.

Como exemplo, temos o carbonato de cálcio (CaCO3). O átomo de cálcio (Ca) não é estável, pois apresenta 2 elétrons livres na camada de valência, a estabilidade só será atingida se ele perder dois elétrons, o que dará origem ao cátion Ca2+. O composto CO por sua vez também não é estável, pelos mesmos motivos que o Ca, e atingirá a estabilidade somente se ganhar dois elétrons, esse átomo dá origem ao íon CO32- .

Se os íons já estão formados e eletronicamente estáveis, haverá assim uma interação eletrostática, mais conhecida como ligação iônica. Esse fenômeno químico acontece obedecendo à regra: cargas com sinais opostos se atraem. Veja a equação:

Ca2+ + CO32- → CaCO3

Os compostos derivados da ligação iônica são denominados de compostos iônicos e possuem estrutura eletronicamente neutra.

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola 

Veja mais!
Polaridades das ligações iônica e covalente.

Química Geral - Química - Brasil Escola

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • Anesexta-feira | 19/09/2014 21:48Hs
    Ótimo texto. Apenas para complementar, a ligação iônica ocorre entre Metal com Ametal ou Metal com Hidrogênio.
  • Jeffeson Freittasquinta-feira | 09/08/2012 22:54Hs
    ótimo muito bem explicado!
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
Conteúdos exclusivos de ciências para crianças.
NOÇÕES DA REFORMA ORTOGRÁFICA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre redação
CURSO DE REDAÇÃO
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
CURSO DE HISTÓRIA
CURSO DE HISTÓRIA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre o ENEM.
PREPARATÓRIO ENEM 2015
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação