Topo
pesquisar

Eletromagnetismo

Física

O eletromagnetismo é a parte da Física que estuda a eletricidade e o magnetismo, bem como as relações estabelecidas entre eles.

Eletromagnetismo é a parte da Física que relaciona a eletricidade e o magnetismo. Essa teoria baseia-se nos seguintes princípios:

  1. Cargas elétricas em movimento geram campo magnético;

  2. Variação de fluxo magnético produz campo elétrico.

Durante muito tempo, acreditou-se que eletricidade e magnetismo eram o mesmo fenômeno. Foi somente em 1600 que o médico e físico inglês Gilbert escreveu um livro distinguindo as duas teorias. Apesar dessa diferenciação entre os dois fenômenos, havia fortes indícios de que existia alguma relação entre eles.

Essa relação foi descoberta pelo dinamarquês Hans Christian Oesterd, em 1820, o que só foi possível graças à invenção dos geradores elétricos que permitiam a geração de correntes elétricas duradouras e estáveis necessárias para o estudo dos fenômenos.

Oersted demonstrou a existência dessa interação a partir de um simples experimento. Ele colocou uma agulha magnética próxima a um condutor de eletricidade. Para isso, ele utilizou uma bússola e um fio de platina em um circuito. O fio de platina, ao ser percorrido pela corrente elétrica, ficava incandescente, o que garantia uma corrente suficientemente intensa. Quando o fio era aproximado da bússola, sua agulha magnética sofria deflexão.

O experimento de Oersted mostrava que a corrente elétrica gerava campo magnético. Porém, em 1831, Michael Faraday, na Inglaterra, utilizou um núcleo de ferro e duas bobinas A e B para mostrar que a variação do fluxo magnético também gerava corrente elétrica. Faraday percebeu que, nos momentos em que conectava ou desconectava a bobina A na fonte, passava uma corrente elétrica na bobina B, porém, essa corrente aparecia somente nesses instantes.

A partir dessa experiência, ele concluiu que essa corrente elétrica ocorria em virtude da variação do campo magnético, que aparecia quando a bobina A era ligada e desaparecia quando essa mesma bobina era desligada. Esse fenômeno ficou conhecido como indução magnética ou Lei de Faraday.

Os fenômenos eletromagnéticos foram descritos por um conjunto de leis formulado por James Clerck Maxwell, cientista que foi tão importante para o Eletromagnetismo como Isaac Newton foi para a Mecânica.

Vários aparelhos indispensáveis atualmente só existem em face da evolução nos estudos sobre o Eletromagnetismo. Entre eles, podemos citar: cartões magnéticos, transformadores de tensão, motores elétricos, antenas de transmissão de dados, forno micro-ondas, entre outros.


Por Mariane Mendes
Graduada em Física

artigos Eletromagnetismo

A Descoberta da Indução Eletromagnética

A descoberta da indução magnética é, na maioria das vezes, atribuída a Faraday, isso se deve a demora de Henry em publicar seus resultados

A Histerese Magnética

Eletroímã

A Lei de Biot-Savart

Jean Baptiste Biot e Félix Savart

A Regra da Mão Direita

Como Fazer um Eletroímã

Como Funciona o Detector de Metais

Detector de Metais

Conhecendo as propriedades dos ímãs

Ímã em forma de “ferradura”

Corrente induzida e a conservação da energia

Exercícios Resolvidos: Campo magnético de uma espira circular

Física Aplicada à Radiologia

Física das Radiações X

Fluxo Magnético e a Lei de Faraday

Indução magnética de uma bobina produzida por outra bobina

Materiais paramagnéticos, diamagnéticos, e ferromagnéticos

PUBLICIDADE

Materiais paramagnéticos, diamagnéticos, e ferromagnéticos

O Acidente Radioativo em Goiânia

Mão de uma das vítimas do acidente

Partícula Beta e o Câncer de Pele

Permeabilidade magnética

Valor real da permeabilidade magnética
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação