Topo
pesquisar

Campo magnético

Física

Definimos campo magnético como sendo a região em volta de um ímã onde ocorrem interações magnéticas. O ímã também é representado por um vetor chamado indução magnética.
PUBLICIDADE

Em física, definimos o campo magnético de forma bem análoga ao que estudamos a respeito do campo elétrico e gravitacional. Nesses dois casos definimos um campo gravitacional ou um campo elétrico como sendo a modificação no espaço em função da presença de massa ou de cargas elétricas.

Portanto, analogamente, definimos o campo gravitacional como sendo a região do espaço onde um ímã, seja ele em forma de barra ou de ferradura, manifesta sua ação. O campo magnético é representado por um vetor chamado de vetor indução magnética, que pode ser representado apenas por .

Usamos como unidade de campo magnético o símbolo T, denominado tesla. Portanto, no SI a unidade de  é tesla (T).

A direção do vetor indução magnética é aquela em que se dispõe a pequena agulha e o sentido do vetor indução é aquele para onde o polo norte da agulha aponta. Vejamos a representação abaixo.

O polo norte da agulha magnética indica a direção e o sentido do vetor campo magnético no ponto considerado

Campo magnético dos ímãs

Campo magnético gerado por um ímã em forma de barra

Vejamos a figura acima, nela temos um ímã em forma de barra que cria à sua volta um campo magnético. Limalhas de ferro colocadas à sua volta dão uma noção de como é o campo magnético em torno desse ímã. Podemos ver que o campo é mais intenso nas extremidades do ímã. A representação do campo magnético de um ímã pode ser feita através das linhas de indução magnética.

A figura abaixo nos mostra uma representação gráfica do comportamento das linhas de indução magnética de um ímã. Por convenção adotou-se que as linhas de indução saem do polo norte do ímã e chega ao polo sul.

Linhas de indução de um ímã em forma de barra


Por Domiciano Marques
Graduado em Física

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • Marcel Kunzlersábado | 23/05/2015 00:34Hs
    Campos magnéticos não existem apenas em imãs, também surgem através do movimento de corrente elétrica, um exemplo é o funcionamento do transformador, uma corrente elétrica em uma bobina, faz surgir um fluxo magnético na bobina que por vez é concentrado no material ferromagnético do transformador, este por sua vez induz uma corrente elétrica na segunda bobina, e a tensão induzida é proporcional ao número de espiras de cada bobina.
  • SERGIO LIMA GALVÃOdomingo | 05/10/2014 16:40Hs
    Texto claro e objetivo.
  • Gyselle Lyandra Ribeiro Freitasquinta-feira | 01/05/2014 00:00Hs
    Gostei, bem resumido. Ótimo para quem quer começar a ter uma ideia de como é.
  • Sonjaquarta-feira | 31/07/2013 11:23Hs
    Texto bom...completo se tivesse animações...bom mesmo...facil assimilação...
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
Conteúdos exclusivos de ciências para crianças.
NOÇÕES DA REFORMA ORTOGRÁFICA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre redação
CURSO DE REDAÇÃO
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
CURSO DE HISTÓRIA
CURSO DE HISTÓRIA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre o ENEM.
PREPARATÓRIO ENEM 2015
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação