Topo
pesquisar

Elementos essenciais no planejamento de programas em EAD

Educação

PUBLICIDADE

De acordo com Corrêa e Ribeiro (2004), o planejamento e a avaliação em Educação a Distância - EAD surge numa nova perspectiva, onde o espaço e o tempo caracterizam-se por necessidades de reflexões e redirecionamentos de todo processo, assumindo caráter de redemocratização do ensino.

Ainda segundo as autoras, o planejamento enquanto articulador das ações no processo ensino-aprendizagem surge junto à avaliação, a qual problematizará as ações desenvolvidas pelos sujeitos envolvidos em todo processo, logo alguns elementos são necessários para construção de um fazer educação via modalidade à distância, tais como: a interação do sujeito com o conhecimento, a importância da proposta pedagógica, o acesso, os canais de interação, o tipo de inovação, os custos, o processo de avaliação e o processo ensino-aprendizagem.

Levamos em consideração na presente discussão, os elementos citados acima a partir da formação de um sujeito, enquanto eixo do processo, ou seja, a interação do sujeito com o conhecimento se dá a partir de uma proposta pedagógica contextualizada, a qual norteará nossa ação de planejar programas em EAD.

Na proposta pedagógica, interessante definirmos os referenciais de nossa ação para intervenções significativas ao público alvo, ou seja, levando em consideração a realidade dos sujeitos envolvidos, devemos ser flexíveis redefinindo nosso marco referencial (ideal), para em seguida diagnosticarmos (real) o contexto do grupo, o qual orientará a elaboração do planejamento de um programa de educação a distância de forma integrada.

O acesso aos meios disponibilizados no espaço de educação a distância deve ter como princípio à atuação efetiva do sujeito envolvido no processo de ensino-aprendizagem considerando os recursos tecnológicos utilizados como meio de formação para a construção do conhecimento de um sujeito social, comprometido com o processo, ou seja, protagonista de sua própria caminhada em busca da aprendizagem, dando significado ao conhecimento construído.

De acordo com Belloni (2001, p. 53)

‘Qualquer que seja a definição que utilizemos (e existem), um elemento essencial deve estar presente nesta análise das relações entre tecnologia e educação: a convicção de que o uso de uma “tecnologia” (no sentido de um artefato técnico), em situação de ensino e aprendizagem, deve estar acompanhado de uma reflexão sobre a “tecnologia” (no sentido do conhecimento embutido no artefato e em seu contexto de produção e utilização)’.

Os canais de interação, meios contextualizados, nortearão a aprendizagem, problematizando o conhecimento, ou melhor, o sujeito encontrará significado a partir da autonomia que será construída ao longo do processo.

Segundo Netto (2006, p. 67)

“É preciso que o professor entenda o que é educação a distância, indo além do nome, do conceito e percebendo a essência do trabalho mediado por tecnologias. É necessário que tenha claro que por trás do monitor e do teclado existe um ser humano e que existe a possibilidade de mudança de percepção de mundo e ampliação de horizontes”.

A inovação é um fator relevante na elaboração de um programa em EAD, portanto os custos são consideráveis na implementação de um planejamento para educação a distância, em que os recursos tecnológicos e os materiais didáticos surgem como mediadores da interação necessária para construção de uma comunidade de aprendizagem.

O processo de avaliação deve ter como princípio um aspecto somativo, o qual deve considerar desde a elaboração/execução/controle de todo o processo a participação ativa de todos envolvidos e estruturação de um programa de EAD. A concepção de avaliação norteará seu processo, no que se refere à tomada de decisões a partir das dimensões apresentadas no planejamento.

Portanto, devemos considerar os elementos anunciados de forma adequada no decorrer do processo de ensino-aprendizagem a distância, a partir de um planejamento consistente, como forma de fazer educação comprometida, os quais concebam ao sujeito significado e autonomia na construção do conhecimento.

Referências Bibliográficas

[1] BELLONI, Maria Luiza. Educação a Distância. 2. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2001.
[2] CORRÊA, J.; RIBEIRO, V. M. B. Competências, planejamento e avaliação. In: SENAC. Rio de Janeiro: SENAC. Versão 3.0. 2004.
[3] NETTO, Carla. Interatividade em ambientes virtuais de aprendizagem. In: FARIA, Elaine Turk. Educação presencial e virtual: espaços complementares essenciais na escola e na empresa. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2006.

Por Rodiney Marcelo Braga dos Santos
Colunista Brasil Escola
Licenciado em Matemática (UECE). Especialista em Educação a Distância (SENAC). Especialista em Engenharia de Sistemas (ESAB). Especialista em Gestão Escolar (UECE). Técnico em Microinformática (CEPEP). Docente na área Ciências Naturais Matemática e Suas Tecnologias.

Educação - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DANTAS, Gabriela Cabral Da Silva. "Elementos essenciais no planejamento de programas em EAD"; Brasil Escola. Disponível em <http://www.brasilescola.com/educacao/elementos-essenciais-no-planejamento-programas-ead.htm>. Acesso em 29 de agosto de 2015.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • Leyde Janequinta-feira | 22/05/2014 21:14Hs
    Os cursos Ead estão crescendo e é uma excelente opção para aqueles que não podem frequentar cursos regulares. Ninguém pode aprender por outrem,pois a aprendizagem é intransferível,vai depender do ritmo de cada um e esta modalidade respeita o "tempo" das pessoas.
  • Rosangela Santosdomingo | 04/07/2010 19:12Hs
    estou a procura de artigos com o tema, porque irei começar um curso pela Plataforma Paulo Freire de Especialização a Distancia em Planejamento, Implementação e Gestão da Educação a Distância, e o texto veio a calhar, vejo que uma proposta pedagógica bem elaborada, com uma ação participativa entre os envolvidos, são fatores importantes nos programas em EDA, e principalmente estar ciente que em todo esse processo de ensino aprendizagem há um sujeito em busca de conhecimento.
  • victor Hugoterça-feira | 30/03/2010 12:11Hs
    O texto é claro na tocante da EAD, informa que a interação entre os sujeitos envolvidos dependerá de uma proposta pedagógica contextualizada norteando à ação do planejamento para programas em EAD, assim o processo de ensino/aprendizagem será desde sua elaboração/execução e controle uma ação participativa, sendo o trabalho mediado por tecnologia entendendo que ela, é só o veículo facilitador,mas que ainda sim haverá um ser humano envolvido em todo o processo nessa nova concepção inovadora de aprendizagem.
  • victor Hugo Alves Paulosegunda-feira | 29/03/2010 15:08Hs
    O texto apresenta aspectos bastante interessantes em se tratando de planejamento e avaliação no processo de educação à distância. Destacando que a EAD vem disseminar uma nova concepção na perspectiva de planejar e avaliar, onde vários elementos tem que ser considerados, tais como a integração do sujeito com o conhecimento, a importância da proposta pedagógica e outras. Destacando ainda a importancia da tecnologia na determinação do processo ensino-aprendizado, proporcionando condições de mudanças de paradigmas, construindo uma nova concepção de mundo e ampliação dos horizontes. Cabe ainda destacar que o texto é bastante rico em destacar o fator inovador que deve conter na elaboração de um programa de EAD, garantindo que os recursos tecnológicos e os materiais didáticos, sejam ferramentas mediadoras para a construção do conhecimento. Por fim, o processo de avaliação deve dar-se desde o momento de elaboração, execução e controle, sendo um processo periódico e somático.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
AULAS AO VIVO DO ENEM
AULAS AO VIVO DO ENEM
12x R$ 20,83

sem juros

COMPRAR
Motivação a Leitura e a Escrita
MOTIVAÇÃO A LEITURA E A ESCRITA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
PORTUGUÊS PARA O ENEM
PORTUGUÊS PARA O ENEM
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre química
CURSO DE QUÍMICA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação