Topo
pesquisar

Jogos Olímpicos

Educação Física

PUBLICIDADE

Com a intenção de promover a amizade e integração entre os povos através de competições esportivas saudáveis os gregos criaram os jogos de Olímpia. Licurgo (rei de Esparta), Ífitos (rei da Élida) e Clístenes (rei da Pissa) formalizaram o tratado no templo de Hera.

O acordo previa que os jogos fossem realizados a cada quatro anos, nos meses de julho ou agosto, em Olímpia, nas encostas do Monte Kronion, com duração de cinco dias, sendo que este período seria considerado uma “trégua sagrada” em toda a Grécia. Os vencedores receberiam como prêmio uma folha de palmeira e uma coroa confeccionada com ramos de uma oliveira existente próximo ao altar de Zeus.

Os atletas competiam nus, e, apenas cidadãos livres que nunca tivessem cometido crime como, por exemplo, assassinato podiam participar. Paralelamente, as mulheres participavam de outra competição em homenagem à deusa Hera (irmã e esposa de Zeus), na qual usavam cabelos soltos e túnicas curtas.

Eram tão respeitados os jogos que Felipe, rei da Macedônia, chegou a pagar uma pesada multa por ter, certa vez, impedido a passagem de dois atletas que se dirigiam a Olímpia.
Até a décima terceira competição a Corrida foi o único esporte praticado; o estádio de Olímpia tinha a forma de “U”, extensão de 200 metros e capacidade para 45 mil pessoas. No quinto século antes de Cristo já eram dez as modalidades esportivas disputadas: corrida, salto em distância, lançamento de dardo, pentatlo, arremesso de disco, pancrácio, boxe, luta, corrida de bigas e corrida de cavalo.

Mas as obras humanas costumam se desfigurar com o tempo e, assim, os vencedores dos jogos olímpicos passaram a ser disputados por várias cidades interessadas em se promoverem. Um atleta vitorioso recebia presentes dos seus compatriotas, como casa de moradia, pensão anual e até estátua na praça, mas se outra cidade acenasse com a oferta de mimos mais cativantes e atraentes ele simplesmente juntava o que tinha e se mudava para lá. Essas atitudes se tornaram um hábito escandaloso, ultrajando os princípios de ética e moral cultivados pelos gregos. Um senador ateniense chegou a desabafar: “Depois da peste e da fome a pior praga da Grécia é a raça de atletas”.

Os Jogos Olímpicos tiveram início em 776 a.C. e mesmo com a invasão romana em 456 a.C. eles foram realizados até no ano 394 desta era, quando foram proibidos pelo imperador romano Theodosius que, convertido ao cristianismo, decidiu combater a adoração aos deuses. Mas foi com a invasão romana que o espírito original dos jogos se descaracterizou e as competições, antes amistosas, se tornaram verdadeiros combates, com muitos mercenários transferindo seus passes ao final de cada temporada. Ao todo, na Antiguidade, foram realizadas 293 competições olímpicas.

João Cândido da Silva Neto
Colunista Brasil Escola

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • tamiressegunda-feira | 08/09/2014 15:02Hs
    muito recomendado
  • Ester Barbaraquarta-feira | 21/05/2014 22:08Hs
    espero que esse texto me ajude :) .
  • hanne mirellyquinta-feira | 19/09/2013 20:27Hs
    muito obrigada brasil escola agora sim o meu trabalho vai ficar maravilhoso!!!
  • giovanasexta-feira | 09/08/2013 19:35Hs
    muito obrigada este texto me ajudou muito no meu trabalho de historia ?
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
Conteúdos exclusivos de biologia
CURSO DE BIOLOGIA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos de italiano
CURSO DE ITALIANO
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
CURSO DE MATEMÁTICA
CURSO DE MATEMÁTICA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre o ENEM.
PREPARATÓRIO ENEM 2015
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação