Topo
pesquisar

Rio Amazonas

Geografia do Brasil

O Rio Amazonas é o segundo rio mais extenso do planeta, além de deter a maior vazão de água do mundo.
PUBLICIDADE

O Amazonas é o segundo rio mais extenso do planeta, apresenta 6,4 mil quilômetros, sendo menor apenas que o rio Nilo (7.400 quilômetros). No entanto, apresenta a maior vazão de água. A nascente do rio Amazonas está localizada no lago Lauri, nos Andes do Peru. O rio Amazonas está presente nos países do Peru, Colômbia e Brasil, em sua bacia hidrográfica estão também os países da Bolívia, Equador, Venezuela e Guiana.

O rio nasce com o nome de Vilcanota e recebe depois as denominações de Uicaiali, Urubamba e Marañón. Quando entra no Brasil, torna-se Solimões, até o encontro com o rio Negro, próximo de Manaus. Desse ponto até a foz recebe o nome de Amazonas. No território brasileiro, esse grande e importante rio desce de 82 metros de altitude, em Benjamin Constant, dirigindo-se ao oceano depois de uma trajetória de 3.165 quilômetros.

O encontro do rio Negro com o rio Solimões proporciona uma imagem de grande beleza, isso porque os rios possuem águas de coloração distinta, o rio Negro apresenta águas escuras em razão da dissolução de ácido húmico, e o Solimões, águas claras; ao se encontrarem, suas respectivas águas não se misturam.


Encontro do rio Negro com o rio Solimões

Nos 3.165 quilômetros que percorre em território brasileiro, o rio Amazonas sofre um desnível suave e progressivo de apenas 82 metros, essa característica proporciona excelentes condições de navegação, recebendo navios desde sua foz, onde se localiza a cidade de Belém, até Manaus. Em 1997, foi inaugurada a hidrovia do rio Madeira, que opera de Porto Velho a Itaquatiara.

Durante todo o seu percurso, o rio Amazonas possui uma grande quantidade de afluentes, entre os mais importantes estão o Huallaga, Ucayali, Pastaza, Napo (Peru); Javari, Juruá, Purus, Madeira, Tapajós, Xingu, Içá, Japurá, Negro, Trombetas, Paru e Jari (Brasil).

Outra característica marcante do rio Amazonas é o fenômeno da pororoca, que consiste na formação de ondas provenientes do encontro violento das águas do rio com o oceano Atlântico, a pororoca acontece principalmente no mês de outubro, pois nesse período o nível do rio está baixo e a maré alta.

Por Wagner de Cerqueira e Francisco
Graduado em Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FRANCISCO, Wagner De Cerqueria E. "Rio Amazonas "; Brasil Escola. Disponível em <http://www.brasilescola.com/brasil/rio-amazonas.htm>. Acesso em 29 de agosto de 2015.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • cleideanesexta-feira | 20/03/2015 20:26Hs
    super bacana
  • João Marcosterça-feira | 30/09/2014 17:40Hs
    Mt bom ajudou em meu trabalho!!:)
  • gabrielsegunda-feira | 22/09/2014 17:02Hs
    bom gostei
  • samuekdomingo | 21/09/2014 17:55Hs
    nossa texto incrível
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
AULAS AO VIVO DO ENEM
AULAS AO VIVO DO ENEM
12x R$ 20,83

sem juros

COMPRAR
Motivação a Leitura e a Escrita
MOTIVAÇÃO A LEITURA E A ESCRITA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
PORTUGUÊS PARA O ENEM
PORTUGUÊS PARA O ENEM
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre química
CURSO DE QUÍMICA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação