Topo
pesquisar

Aspectos da população do Maranhão

Geografia do Brasil

O Maranhão está localizado na região Nordeste do Brasil. Limita-se com os estados do Pará (a oeste), Tocantins (a sudoeste), Piauí (a leste), além de ser banhado pelo oceano Atlântico (ao norte). Sua extensão territorial é de 331.935,507 quilômetros quadrados, ocupando 3,9% do território nacional.

O estado está dividido em 217 municípios e conforme contagem populacional realizada em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), totaliza 6.574.789 habitantes, considerado o quarto estado mais populoso do Nordeste. O crescimento demográfico é de 1,5% ao ano e a densidade demográfica é de 19,8 habitantes por quilômetro quadrado.

O território que compreende o Maranhão era ocupado por comunidades indígenas. Posteriormente, durante a colonização brasileira, o estado foi disputado por franceses, portugueses e holandeses. Além dos índios e dos colonizadores europeus, a população maranhense tem fortes elementos dos africanos, que foram trazidos para a realização do trabalho escravo.

A população do Maranhão é uma das mais miscigenadas do Brasil, de acordo com o IBGE, 68% dos habitantes são pardos, resultado da mistura de diferentes composições étnicas. A maioria da população estadual é composta por afro-descendentes, consequência do intenso fluxo de tráfico negreiro entre os séculos XVIII e XIX. Atualmente, o Maranhão possui mais de 700 comunidades quilombolas, sendo, portanto, o estado que detém a maior quantidade de comunidades remanescentes de quilombos no Brasil.

Comunidade Quilombola no Maranhão
Comunidade Quilombola no Maranhão

São Luís, capital do Maranhão, com 1.014.837 habitantes é a cidade que possui maior concentração populacional do estado, considerada como a capital nacional do Reggae. Outras cidades maranhenses populosas são: Imperatriz (247.505), São José de Ribamar (163.045), Timon (155.460), Caxias (155.129), Codó (118.038), Paço do Lumiar (105.121), Açailândia (104.047).

O Maranhão apresenta grande pluralidade cultural, tendo como principal manifestação popular, a festa do bumba meu boi. Outro elemento que também esse aspecto é o tambor de crioula.

Com graves problemas socioeconômicos, visto que aproximadamente 19% da população não é alfabetizada, o Maranhão é o penúltimo colocado no ranking nacional do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), com média de 0,683, superior apenas ao de Alagoas (0,677). O índice de mortalidade infantil é alto (36,5 óbitos a cada mil nascidos vivos) e a expectativa de vida é de 67 anos.

Por Wagner de Cerqueira e Francisco
Graduado em Geografia
Equipe Brasil Escola

Maranhão - Região Nordeste - Geografia do Brasil - Brasil Escola

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • Danylorquinta-feira | 05/12/2013 21:36Hs
    ótimo texto,é bem esclarecedor,parabens....
  • marinasegunda-feira | 14/10/2013 19:31Hs
    e muito legal
  • Gabrielterça-feira | 13/03/2012 21:45Hs
    Adorei texto bem legal.
  • Castelosexta-feira | 28/01/2011 11:50Hs
    O Maranhão é um estado rico, previlegiado pela natreza, não se justificando esses índices vergonhosos de desenvolvimento,... a não ser pela gentalha que governa, ou seja explora essa provincia ha tanto tempo,...
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
Conteúdos exclusivos da português infantil.
CURSO DE PORTUGUÊS INFANTIL
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre a reforma ortográfica.
NOÇÕES DA REFORMA ORTOGRÁFICA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos de inglês para crianças.
CURSO DE INGLÊS INFANTIL
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre o ENEM.
PREPARATÓRIO ENEM 2015
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação