Topo
pesquisar

A Vegetação e o Clima da Região Norte

Geografia do Brasil

PUBLICIDADE

A região brasileira mais extensa é a Norte, nela existe a maior floresta equatorial do mundo, a Amazônia. Essa parte do país ainda possui grandes áreas de florestas preservadas, onde podemos encontrar coberturas vegetais bastante heterogêneas, como áreas de Cerrado, Campos e vegetação Litorânea, mas a principal é a floresta Amazônica, que abrange aproximadamente 80% da região Norte.

Apesar da aparência de homogeneidade da floresta Amazônica, ela possui distinções quanto à formação vegetal que varia de acordo com a altitude do relevo. Em razão disso, a Amazônia é classificada em quatro tipos: mata de igapó, mata de várzea, mata de terra firme e floresta semiúmida. A cobertura vegetal da Amazônia é composta por plantas do tipo latifoliadas e perenifólias, ou seja, que possuem folhas grossas e que não caem em nenhum período do ano.

Já o clima que prevalece ao longo da região é o equatorial úmido, caracterizado por elevadas temperaturas e grande quantidade de chuvas durante todo o ano. Algumas áreas restritas não apresentam tal característica climática, como o Tocantins e partes do Pará e Roraima. Na parte sudeste do Pará e em todo Estado do Tocantins é identificado o clima tropical, com duas estações bem definidas, sendo uma chuvosa e uma seca. Já no noroeste do Pará e leste de Roraima o clima que predomina é o equatorial semiúmido, com períodos curtos de seca, temperaturas sempre elevadas durante todo o ano e índices pluviométricos inferiores ao clima do tipo equatorial úmido. Na região Norte, em geral, as temperaturas ficam em torno dos 26°C, com índices pluviométricos que oscilam entre 1700 e 3000 mm ao ano e baixa amplitude térmica.

Na região Norte existe uma enorme interdependência entre o clima e a vegetação, isso porque há uma influência recíproca entre os mesmos. O clima influencia na floresta, pois as temperaturas são elevadas é há abundante quantidade de chuvas, permitindo a proliferação de uma imensa diversidade de plantas, além de propiciar que elas permaneçam verdes o ano inteiro. Em contrapartida, a floresta contribui diretamente no clima, especialmente nos índices pluviométricos. Tal influência acontece pelo fato de as plantas transpirarem através das folhas. Quando isso ocorre, formam-se gotículas de águas sobre elas, então, com o processo de evaporação, a água contida nas plantas vai para a atmosfera, favorecendo a formação de chuvas.

Aproximadamente 50% da umidade que se transforma em chuvas é proveniente da floresta. Diante dessa afirmativa, percebemos que a conservação da Amazônia é indispensável para a funcionalidade do clima na região e para a manutenção da biodiversidade que esta abriga.

Por Eduardo de Freitas
Graduado em Geografia

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • wesley lucassexta-feira | 17/04/2015 09:16Hs
    achei muito bom, me ajudou muito!!!
  • kamila ricartequinta-feira | 30/10/2014 14:28Hs
    texto bom
  • tamiresquinta-feira | 16/10/2014 08:38Hs
    otimo texto adoreiii
  • lorraneesábado | 11/10/2014 17:41Hs
    adorei essas dicas e consegui fazer o me trabalho..
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
AULAS AO VIVO DO ENEM
AULAS AO VIVO DO ENEM
12x R$ 20,83

sem juros

COMPRAR
Motivação a Leitura e a Escrita
MOTIVAÇÃO A LEITURA E A ESCRITA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
PORTUGUÊS PARA O ENEM
PORTUGUÊS PARA O ENEM
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre química
CURSO DE QUÍMICA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação