Topo
pesquisar

3º mês de gestação

Biologia

No terceiro mês de gestação (da 9ª à 12ª semana lunar) o futuro bebê passa a ser considerado um feto. É também no terceiro mês que o processo de ossificação fetal se inicia; assim como o desenvolvimento da genitália.
PUBLICIDADE

Uma vez que temos meses com 28, 30 e 31 dias, alguns médicos costumam sugerir que os cálculos relativos ao tempo de gravidez de uma mulher sejam feitos de acordo com o calendário lunar. Isso significa, basicamente, considerar o seguinte:

- 1 semana lunar = 7 dias
- 1 mês lunar = 4 semanas de 7 dias = 28 dias

Como o período compreendido entre o início da gestação e o dia do parto tem cerca de 280 dias, podemos perceber que esse valor corresponde a 40 semanas. Uma vez que um mês lunar tem 4 semanas, 40 semanas de gravidez correspondem a 10 meses lunares.

Agora que você já compreendeu essas contas, vamos seguir adiante, falando sobre o terceiro mês de gestação. Nesse período, compreendido entre a 9ª semana lunar e a 12ª, o embrião já possui aparência tipicamente humana. Inicialmente, ele mede mais ou menos 28 mm, e tem aproximadamente 3 g de massa. Ao fim da 12ª semana, ele já tem aproximados 61 mm, e 13 g.

A partir da 10ª semana, ele passará a ser considerado um feto, havendo o crescimento e a maturação das estruturas formadas durante o período embrionário. É também nessa fase que se inicia o desenvolvimento de sua genitália, e o processo de ossificação.

Sua cabeça ainda é bem maior que o corpo, assim como os membros superiores em relação aos inferiores. As pálpebras não são mais transparentes, e passam a cobrir os olhos completamente. Pescoço, mãos, pés, dedos e orelhas estão bem diferenciados; e sua “cauda”, ainda presente no início do terceiro mês, diminui bastante, e depois deixa de estar ali. Os mamilos e folículos pilosos começam a se desenvolver.

O sistema nervoso se aperfeiçoa cada vez mais. O feto ganha um enorme número de neurônios, a cada minuto; e a cada dia apura mais seus cinco sentidos. O coração está todo formado. Além disso, ele já se move, mas sutilmente; e seus rins já funcionam.

Quanto à mãe, suas mamas crescem consideravelmente, e se apresentam mais sensíveis. Os mamilos também podem sofrer modificações, como o aumento do diâmetro e surgimento de grânulos na aréola. A cintura se torna menos definida e, a partir desse mês, a gestante tende a engordar cerca de um quilo a cada quatro semanas.

Os enjoos, em muitos casos, ainda se manifestam nessa fase, e as gengivas podem se apresentar doloridas. As flutuações de humor, assim como as dores de cabeça, tendem a se acentuar.

Algumas veias, como as da barriga, mamas e pernas; tendem a ficar mais visíveis em virtude do aumento do volume sanguíneo. Alguns profissionais acreditam que, pelo mesmo motivo, em algumas mulheres, cabelos e unhas podem crescer/engrossar nessa época.


Alimentação da gestante:

A ingestão de cereais, torradas e bolachas de água e sal, no café da manhã, assim como a ingestão de líquidos no intervalo entre as refeições; podem ajudar a reduzir os enjoos. Com o mesmo objetivo, a gestante deve ingerir frutas suculentas, preferencialmente as mais ácidas.

Em razão da demanda por cálcio, ingerir leite e seus derivados é uma boa medida. Incluir fontes de vitamina C na dieta (tomate, brócolis, melão, acerola, laranja, etc.) também é importante, já que tal nutriente auxilia na absorção de ferro.


Importante:

O uso de sutiãs confortáveis garante à gestante maior alívio quanto à sensibilidade das mamas.

Crises de enxaqueca podem surgir, ou se acentuar, durante a gravidez. Como o uso de fármacos para controlar esse problema é geralmente contraindicado; é necessário buscar orientação médica específica para prevenir ou, pelo menos, contornar de forma saudável esse problema.

Dieta adequada e exercícios regulares, orientados por profissionais competentes, ajudam no controle das mudanças bruscas de humor, e sentimentos depressivos.

Finalmente, quanto aos enjoos, gorduras e alimentos condimentados tendem a acentuá-los, assim como jejum prolongado e cansaço. Beber bastante líquido, com destaque para água, leite e limonada; e comer pequenas porções, várias vezes ao dia; são boas medidas para reduzir sua incidência.



Veja mais!
Segundo mês de gestação
Quarto mês de gestação



Por Mariana Araguaia
Bióloga, especialista em Educação Ambiental
Equipe Brasil Escola

DEIXE SEU COMENTÁRIO
  • renataterça-feira | 03/03/2015 18:32Hs
    adorei !!!
  • givanildo cavalcanti sábado | 22/11/2014 03:33Hs
    O período fetal é o período compreendido entre a 9ª semana e o nascimento. no texto diz a decima semana. porque no final da semana anterior finaliza-se a organogênese
  • LEIDIANA BARBOSA DE SOUSAsexta-feira | 03/10/2014 09:44Hs
    Ótimo texto,com explicações claras e fáceis de serem estudadas, aprendi muito. obrigada!!!
  • Rosileinesábado | 24/05/2014 01:27Hs
    Muito bom.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cursos Brasil Escola + DE 1000 OPÇÕES >> INVISTA EM SUA CARREIRA! <<
Conteúdos exclusivos de ciências para crianças.
NOÇÕES DA REFORMA ORTOGRÁFICA
12x R$ 6,66

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre redação
CURSO DE REDAÇÃO
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
CURSO DE HISTÓRIA
CURSO DE HISTÓRIA
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
Conteúdos exclusivos sobre o ENEM.
PREPARATÓRIO ENEM 2015
12x R$ 10,83

sem juros

COMPRAR
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
R7 Educação